Vida: é pra viver ou entender?

Compartilhe a Verdade!

Compartilhe a Verdade:


 

A vida é um conceito multifacetado. Pode-se referir ao processo em curso do qual os seres vivos são uma parte; ao espaço de tempo entre o nascimento e a morte dum organismo; a condição duma entidade que nasceu e ainda não morreu; e aquilo que faz com que um ser vivo esteja… vivo. Metafisicamente, a vida é um processo constante de relacionamentos.

Vida significa existência. Do latim “vita”, que se refere à vida. É o estado de atividade incessante comum aos seres organizados. É o período que decorre entre o nascimento e a morte . Por extensão vida é o tempo de existência ou funcionamento de alguma coisa.

A palavra vida tem um conceito bastante amplo e pode ter vários significados dependendo do contexto onde é inserida:

Vida boa – é uma vida ociosa, sem trabalho ou bastante proveitosa;

Vida social – são todas as manifestações provenientes das relações entre os seres humanos;

Vida orgânica – é o conjunto das funções vitais;

Vida de cão – é uma vida penosa, dura, trabalhosa, de maus tratos ou miserável;

Vida pública – é o exercício de qualquer cargo ou funções ligadas aos interesses do Estado ou da coletividade;

Vida latente – é a vida do órgão vegetal que, estando vivo, não apresenta manifestação de vida (as sementes maduras são órgãos com vida latente);

Vida eterna – é a existência espiritual depois da morte;

Vida unitiva – em Teologia, é a vida de perpétua união com Deus;

Danado da vida – é estar furioso, zangado, indignado;

Toda a vida – é uma expressão que indica ir na mesma direção, no mesmo caminho, sem se desviar.

 

Rogerio Souza, [08.12.19 02:17]

No teatro não se vive plenamente pois se preocupa com as coisas erradas, quando a única preocupação deveria ser justamente entender.

No reino se entende, as preocupações são outras, até maiores. Enxerga-se o conforto do passado mas é tarde pra desfrutar. Com isso há um impulso um pouco maior pra desfrutar, mas as novas preocupações da realidade final, do olho do furacão, do epicentro do teatro coletivo, o protagonismo existencial competem com as tentativas de alívio.

Por um lado é difícil e frustrante ter alívio, pois a ignorância facilita o alívio, e já perdemos ela, é tarde pra se arrepender de ter sido mal agradecido e ter reclamado e não aproveitado.

Por outro lado, a barra agora é tão mais pesada, a realidade tão mais contundente, que damos graças a Deus por todo o alívio disponível, e desfrutamos com alegria e gratidão. Sem esse alívio poderíamos não suportar. Sabemos, compreendemos finalmente o que não enxergávamos antes; que Deus sempre esteve conosco e está agora, nos ajudando a segurar o enorme peso da realidade, peso este que quanto mais curiosos ficamos pra saber, maior fica.

Uma parte de nós volta a ser criança e a buscar com amor os alívios da obra.
Uma outra parte quer ser madura e honrada, e busca servir a Deus como pode em forma de gratidão.

No fim a vida precisou pra mim pelo menos, ser entendida, pra só depois ser vivida.

Não julgo quem vive sem entender, mas a parte dessa pessoa que deseja ser honrada, caso ela pise na honra por ignorância, vai ser mais prejudicada.

A verdade suprema e simétrica da honra e do amor, da própria manifestação de Deus, é uma ciência matemática possível de comprovar, acessível por experimentos práticos quantificáveis. No entanto é oculta de forma sistemática e organizada.

O tecido do inconsciente coletivo é vivo e consciente, no entanto é ameba, não tem uma cabeça, um Rei pra dar um salto de consciência, percepção e complexidade.

Um indivíduo que sente e compreende essas coisas, pode por si mesmo começar e concluir a jornada mais importante da Consciência. A tomada final de auto consciência. O desaguar no oceano, no Reino.

 

 

 

 

Veja nas matérias abaixo sobre alguns temas citado no vídeo:

Dúvidas e certezas   

O olho do furacão

Protagonismo

O peso do coletivo

A importância dos jogos no reino

Despertar

Honra

Cristandade do luciferiano

 

 

 

Vamos ajudar

 

Ajudologia

Estimados irmãos e irmãs.

Em primeira ordem de relevância, eu lhes convido a revisitar a importância da interatividade no site.

• Comentários
• Compartilhamento
• Likes em todos os posts nas redes sociais
• Interação com o “merch” nos dois sites: aqui no portal e no site do livro (aprenda mais sobre nos grupos de alunos)
• Assiduidade, presença no portal todos os dias
• Consumo e produção/criação de conteúdo
• Compras na loja
• Matrículas em cursos a níveis profundos (ganhe téritos na compra)
• Pré-reserva de livros: Eu Mordi a Maçã, Lilith, O Anjo está em pé e Poemas do Inferno.
 Ser Membro

 

~Luz p’ra nós!~

Compartilhe a Verdade:


0 0 vote
Article Rating

Compartilhe a Verdade!

Entre com:




Subscribe
Notify of
7 Comentários
Most Voted
Newest Oldest
Inline Feedbacks
View all comments
Raquel Broll
13/12/2019 6:39 pm

Precisava entender por que não aceitava as injustiças que via a minha volta, hoje que entendi posso fluir mais leve mesmo sabendo da responsabilidade, hoje tenho um propósito o de levar a verdade para mais pessoas, gratidão mestre seus vídeos sempre edificam!

Thiago Galhas
14/12/2019 3:01 am

Fantástico!
Gratidão.
Luz p’ra nós!

Paulo Henrique
14/12/2019 8:14 am

Luz p’ nos!

Arlete Lima
14/12/2019 10:43 am

Luz pra nós…

Rômulo Matheus Lins
14/12/2019 12:47 pm

Luz p’ra nos!!

Ranier
14/12/2019 10:40 pm

Luz pra nós 🙏🏻

San Marques
15/12/2019 1:25 am

Incrível como as duas coisas coexistem.

Next Post

EternaMente...

sex dez 13 , 2019
Compartilhe a Verdade!Compartilhe a Verdade:Salve família E.D.L.   Hoje fiz diferente. Dessa vez, fragmentei meu poema e inseri em imagens, pra usar como frases de efeito. Sendo assim, cada imagem equivale a uma estrofe. Achei um site legal e fácil, pra fazer isso, e tem sido divertido, unir o útil […]

Siga-nos os bons

Ative o Sininho

Clique Aqui

Quem está online

Não há usuários online neste momento

Você:

Teus Téritos bônus

0 Téritos
error

Seja caminho para a Verdade

7
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Pular para a barra de ferramentas