qua. set 18th, 2019

Usos medicinais do dente-de-leão

Compartilhe a Verdade:


Dente-de-Leão é o nome comum de várias espécies do gênero Taraxacumdas, sendo a mais popular a Taraxacum officinale, nativa tanto do continente europeu e asiático. É uma planta que se adapta facilmente a ambientes degradados e agrestes e suas sementes permanecem viáveis por longos anos, razão pela qual a sua disseminação, atualmente, é cosmopolita. Em muitos lugares esse gênero é usado para alimentação.

Comumente, por desconhecimento, o dente-de-leão é visto como mato ou erva daninha, mas é uma planta com muitos atributos e seu uso é consagrado tanto na culinária quanto na homeopatia (homeopatia é uma forma de tratamento completamente natural que provocam os sintomas para tratar ou aliviar vários tipos de doenças). É uma plantinha rica em vitaminas A e C, cálcio e ferro, tornando-se uma erva competitiva com o espinafre e outras semelhantes. As folhas de dente de leão possuem vários antioxidantes que têm um efeito positivo na saúde. A planta inteira contém alta quantidade de ácido cinurênico, que é essencial para manter a saúde digestiva.

 

Alguns usos culinários e medicinais do dente-de-leão:

1- Das suas flores são feitos vinhos;

2- Das flores e limão também se faz um xarope, que se mistura com agrião e alcachofra, e se usa como fortificante;

3- Das folhas e os brotos se comem em saladas frescas;

4- As folhas e talos também podem ser refogadas ou cozidas;

5- Das raízes, depois de cozidas e moídas, pode ser feito um substituto do café;

 

Na homeopatia e na fitoterapia é consagrado o uso do dente-de-leão como tônico hepático, diurético e depurativo do sangue, antiescorbútico, antiácido e laxante.

Sua ingestão facilita a digestão e estimula o apetite. Pode ser usado em casos de obstipação. Como o seu uso aumenta a produção de bílis, também é adequado para problemas de fígado e vesícula biliar. A raiz do dente-de-leão é indicada para reumatismos e, na forma de óleo para massagem, nos casos de artrite.

Ainda, estudos realizados no Canadá pelo Departamento de Química e Bioquímica da Universidade de Windsor apontam o dente-de-leão como um possível remédio para o câncer. Segundo a pesquisa, o extrato da raiz do dente-de-leão, aplicada a células cancerosas, leva essas células ao processo de apoptose, que é a sua autodestruição. Esta pesquisa foi feita pela Dra. Caroline Hamm e, através dela foi encontrada uma das únicas soluções para ajudar aqueles que sofrem de leucemia mielomonocitica crônica (LMMC). Este tipo de leucemia começa nas células formadoras do sangue na medula óssea a partir de onde envolve todo o sangue. A análise conta que alguns pacientes de LMMC conseguiram atenuar a doença pelo uso do chá da raiz de dente-de-leão, mas, esse fato ainda não está consagrado pela medicina ocidental oficial. E a pesquisa também não está consagrada pois, como se pode pensar, não é de grande interesse para a indústria farmacêutica.

Considerando que as plantas espontâneas são consideradas fortes, é indicado obter as raízes do dente-de-leão em lojas especializadas, e evitar o consumo da planta retirada das ruas e calçadas, porque estas poderiam estar contaminadas (por poluição ou resíduos químicos).

Além do mais, na utilização de plantas para fins medicinais precisamos ter cautela e conhecer além de seus benefícios e utilidades, também, suas contraindicações, pois, mesmo o dente-de-leão sendo uma opção natural, ele não é indicado para gestantes, lactantes, crianças, hipertensos, pessoas com pedras na vesícula ou nos rins, para úlceras estomacais e pessoas com glaucoma.

Entretanto, com tudo o que foi dito sobre o dente-de-leão percebemos que essa planta, por vezes tratada como um mato comum, tem propriedades valiosas como tônica, digestiva, estimulante do fígado e das glândulas linfáticas, assim, conhecendo melhor o dente-de-leão, não tem como não o valorizar por sua força natural e seu poder curativo.

Receita do chá de raiz de dente-de-leão:

Tome 2 colheres (sopa) de raiz (pode usar a planta inteira também) e cozinhe em 1 litro de água até ferver. Quando ferver, desligue o fogo e abafe por 10 minutos. Depois disso basta coar o chá e tomar. É recomendado a ingestão de até 3 xícaras ao dia.

Compartilhe a Verdade:


14
Deixe um comentário

Please Login to comment

Entre com:




11 Comment threads
3 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
11 Comment authors
Admin bar avatarJoão PedroSamuel RodriguesKaique FreitasJucemar Mello Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Josimar Lima
Editor

Essas informações são valiosas pois há tanto na natureza que nos esquecemos ao longo da manipulação e so pensamos em remedios quimicos sintéticos estando toda a natureza ai pra nos ajudar!

Everton
Membro
Everton

Sensacional ver o poder da natureza em uma planta que é capaz de nascer até mesmo aqui no meu quintal nas fendas das paredes, ninguém para a natureza, temos mesmo que contemplar. Muito grato.

Admin bar avatar
Editor

Muito importante ter esse conhecimento, tudo está má natureza 💚

Admin bar avatar
Editor

Na*

Sayler Céfas 666
Membro

Verdade ♥

Membro

Dicas valiosas. Além de todos esses usos apresentados, suas flores ornamentam jardins e em muitos casos, avaliando o consórcio de plantas ele pode ser cultivado como cerca viva, servindo como uma barreira protetora contra determinados tipos de ” pragas”. Grata pela matéria

Rafael Isaac Franchini
Membro
Rafael Isaac Franchini

Quantos benefícios tem o dente-de-leao , não sabia , 🙏💚

João Pedro
Membro

Nem eu kk

Sayler Céfas 666
Membro

Interessante

Jucemar Mello
Membro
Jucemar Mello

Meu deus, e eu com um monte desses “matinhos’ no pátio de casa arrancava-os sem ter nem a mínima noção do quão poderosa erva é!!!
Eu me identifico muito com plantas, sou bastante HU, feliz a cada dia estar em contato com tanto aprendizado!! Mais um componente na minha dieta quero tentar fazer “Pirão” com farinha de bijú de milho torrado, com espinafre fica uma delicia!! Hora que eu conseguir fazer vou postar aqui a receita!!!

Freit EDL
Membro

Conhecimento nunca é demais,principalmente sobre a nossa natureza

Samuel Rodrigues
Membro

o vinho feito dessa plantinha deve ser mt bom :3

João Pedro
Membro

A natureza é cheia de surpresas, quem diria que até as florzinhas que ninguém da nada tem suas riquezas.

Admin bar avatar
Membro
Henrique Barboza Vaz

Muito bom! A natureza nos oferta tanta coisa mas que não sabemos. Luz pra nós!