Territórios de quilombolas têm reconhecimento ameaçado pelo governo

Compartilhe a Verdade:


Assim como a demarcação de terras indígenas , o reconhecimento de territórios quilombolas também está ameaçado pela decisão do governo Jair Bolsonaro de deixar o tema sob o comando do Ministério da Agricultura.

Atualmente, são 230 territórios de remanescentes que aguardam a identificação, segundo dados da Fundação Palmares, ligada ao governo federal.

O poder de decidir sobre essas terras – indígenas e quilombolas – passará para as mãos do ministério controlado pela ruralista Tereza Cristina (DEM-MS), ex-presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), que representa os interesses do setor no Congresso.

O ministério tratará também da demarcação de terras indígenas, a regularização fundiária na Amazônia, a reforma agrária e o Serviço Florestal Brasileiro, responsável pela recomposição florestal, proposição de planos de manejo e dos processos de concessão florestal também ficarão subordinados a este ministério.

Veja reportagem aqui.

 

Compartilhe a Verdade:


5
Deixe um comentário

Please Login to comment

Entre com:




5 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
5 Comment authors
Jonathan MunizMiryam YoshikoAurélio 🇧🇷 ❄Thiago Galhas(Alleyn) Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
(Alleyn)
Membro

É necessário proteger tudo isso pra garantir o equilíbrio de nosso povo. Grata pela matéria. Luxxx

Thiago Galhas
Membro

“Ameaçado pelo Governo”… só essa frase já diz tudo.
Luz p’ra nós!

Aurélio 🇧🇷 ❄
Membro
Aurélio 🇧🇷 ❄

Luz p’ra nós! Isso é revoltante o que eles estão fazendo com o meio ambiente e minorias.

Miryam Yoshiko

É assim que agem os grandes que estão no poder, tomando dos menos favorecidos, uma grande falta de respeito à própria humanidade e cultura de seu povo. Espero que não consigam tal feito.

Jonathan Muniz
Jonathan Muniz

Luz p’ra nós!