Super Guia de Caça e Identificação de Cogumelos Mágicos

Compartilhe a Verdade!

Compartilhe a Verdade:


Neste guia, ensinaremos como identificar e coletar corretamente os famosos Cogumelos Mágicos.

As principais substâncias responsáveis pela atividade psíquica diferenciada são Psilocibina e Psilocina.
Ambas são substâncias que não desenvolvem dependência química ou overdose, é claro se os cogumelos forem ingeridos naturalmente via oral. O risco de consumir cogumelos é errar na hora de caçá-los em seu habitat natural. E os riscos de natureza psíquica. Como quaisquer outras substâncias expansoras da consciência.
Desde o início o homem comeu cogumelos para entrar em contato com o divino e desenvolver a si como espécie. Algumas comunidades da América central levaram esta tradição desde a idade da pedra até meados do século 19 e atualmente ainda existem alguns traços das tradições.

Quando os cogumelos foram propriamente apresentados ao homem branco em expedição ao México, um pequeno grupo de pesquisadores conseguiu acesso a umas das curandeiras, e com sua autorização trouxeram para os laboratórios, onde pela primeira vez a psilocibina foi isolada e identificada. Desde então o uso desta substância catalizadora da consciência sofreu muito abuso, preconceito e criminalização. Não ouvimos os mais sábios, e não respeitamos o
cogumelo e seu poder. Como consequência, usamos do seu poder de induzir transe deliberadamente para fins vazios, resultando em consequências catastróficas. Hoje a desinformação e o preconceito são de tamanho incalculável. Então hoje e sempre faça a diferença!
Pedimos encarecidamente que abra sua mente e escute com atenção os mais experientes. Aqui reunimos conhecimentos e estudos de muitos
anos, fazendo assim as melhores instruções para que você possa ter a melhor experiência possível, não passando pelos mesmos erros que muitos passaram.

 

 

Morfologia dos cogumelos

Esta é a Estipe
Visualmente semelhante a um caule ou tronco, mas
para o reino fungi, o nome é estipe.

Este é o Píleo
Similar a um chapéu.

Logo abaixo do chapéu, encontramos o Véu.

Após o Véu rasgar conseguimos ver as Lamelas.

A partir do momento que o véu se rompe, as lamelas já estão liberando os esporos. Esporos são as “sementes” do cogumelo, que em contato com o substrato começam a crescer e formar hifas que se juntam, dando início a um novo ciclo. Esta é a função do cogumelo, liberar esporos. Por isso que ele é um fruto, responsável pela propagação de esporos, para dar continuidade ao crescimento do micélio.
Após cortar a estipe, bem onde ela encontra as lamelas, posicionamos o chapéu em cima de um pedaço de papel branco. Após algumas horas, a sedimentação dos esporos já se torna visível a olho nu.
Chamamos isso de carimbo de esporos:

Onde encontrar?

Não incentivamos ninguém a invadir propriedades particulares. Peça permissão ao proprietário! Os cogumelos mágicos são mundialmente encontrados, ou seja, eles crescem em quase todos os lugares, desde que os mesmos tenham as condições climáticas adequadas. Mas iremos focar nos pastos bovinos. Sim, você irá fazer um passeio até os pastos.

Procure por bois zebus, vacas, búfalos, ruminantes em geral.

Quanto mais cabeças de gado melhor, e quanto mais antigo for o pasto melhor ainda. Após encontrar um pasto repleto desses lindos animais, certifique-se que você tem permissão para estar lá, ande com  cuidado e procure pelos dejetos. Ou seja, pela bosta da vaca:

Às vezes a grama cresce e fica bem alta, podendo tampar os dejetos e os cogumelos. Então devemos
procurar com bastante atenção, inclusive na encosta das subidas, geralmente essas fezes estão em lugares de maior umidade do pasto, como perto de um lago ou sobre uma moita de grama.

Substrato

É o meio ou material onde o micélio dos fungos cresce e se desenvolve. É o alimento do micélio e também a base (casa) que vai sustentar os cogumelos quando eles surgirem. Neste caso os dejetos dos animais servirão como substrato

Micélio

É o nome que se dá ao conjunto de hifas emaranhadas de um fungo. O micélio é a parte responsável pela
absorção de nutrientes do meio, e ainda pela formação dos corpos frutíferos. Desenvolvem-se no interior e na superfície do substrato.

Quando caçar?

Existe uma época mais favorável ao aparecimento dos cogumelos. Do começo da época de chuvas, em novembro. E dura todo o verão até possivelmente meados de maio, quando a época da estiagem começa, ou seja, o clima para se achar cogumelos é no verão. Alta umidade, tempo abafado, chuvas repentinas e
intensas seguidas por dias bonitos de sol e céu aberto. De acordo com relatos, é possível achar cogumelos em qualquer época do ano, por conta do fenômeno El Niño.
Existe uma fórmula infalível:

Se chover por um ou dois dias inteiros e no seguinte faz-se sol, não tem erro: os cogumelos irão aparecer. Ou seja: no verão, os cogumelos são de certa forma, abundantes. No inverno, podemos achar, mas só com um pouco de sorte. Vale lembrar que os padrões usados aqui de inverno/verão são os da região sudeste do Brasil. Aqui, verão é definido por chuvas e calor. Inverno é feito de temperaturas amenas (chegando a ser frio) e baixa umidade relativa do ar. Para melhor desfrutar do seu pasto, estude, tome
notas, observe as datas, chuvas, temperaturas, umidade relativa, resultado da coleta…
Lembre-se cada cidade tem suas características, entenda o seu ambiente.

O que procurar?
Quando chegar ao pasto, verifique primeiro a presença de gado e outros animais perigosos. Depois, veja onde estão os dejetos deixados por eles. Os cogumelos devem nascer lá, se as condições forem
favoráveis. Como já foi dito antes, eles precisam de umidade, então é interessante procurar por dejetos que estejam perto de locais com grama mais alta. Caso encontre cogumelos em madeiras podres não toque. Eles são chamativos e bonitos, mas desconhecidos. Não sabemos com que tipo de fungo estamos lidando, Mantenha distância!

Primeiro, dê uma olhada geral, para ter uma noção da topografia do pasto e para ver se existem grandes
colônias visíveis de cogumelos. Se logo de cara achar os mágicos, vá em frente. Se não, comece a procurar mais minuciosamente. Vá com algum amigo. Além de ser mais seguro andar acompanhado, quatro olhos enxergam mais que dois. Se esse amigo já conhecer os cogumelos e já os tiver caçado, perfeito! Ter um guia é uma maneira excelente de se aprender a caçar cogumelos. Mesmo se ele não tiver experiência prévia com cogumelos, leia este guia com ele, estudem juntos, e vá para a caça, pois assim fica mais fácil de não ter dúvidas quanto à identificação. Use a luz do Sol a seu favor. Os cogumelos são de cor: marrom/dourada/palha, portanto se destacam bem quando a luz do Sol os ilumina.

Fique atento aos padrões. Se você achar vários cogumelos nascendo perto de determinado arbusto ou
planta, vá em frente e procure outros arbustos e outras plantas. Nota-se que os cogumelos preferem frutificar em lugares específicos. Procure percebê-los e faça anotações mentais sobre. Os cogumelos podem nascer isolados ou em família. Se encontrar um exemplar solitário, analise-o com bastante cuidado, mesmo já tendo identificado outros. Já no caso de encontrar uma colônia, retire um e faça
todas as observações e comparações (o azulamento da carne do cogumelo). Se este for o que você procura, aí sim colete os outros. A natureza sabe se esconder. Portanto, se o pasto onde você estiver procurando não for tão ativo, pode ser que os cogumelos sejam mais escassos e mais difíceis de achar. Tente andar em linhas retas, cobrindo a maior parte do pasto possível. Ande devagar e preste bastante atenção: se eles estiverem lá e você olhar com cuidado, você se deu bem.

E lembre-se: jamais se confunda! Tenha certeza absoluta de estar coletando o cogumelo correto. Não se afobe em ter logo uma experiência se arriscando à toa. Ela virá com o tempo se você realmente merecer,
procurar e identificar de maneira correta e responsável.

Compartilhe a Verdade:


0 0 vote
Article Rating

Compartilhe a Verdade!

Entre com:




Subscribe
Notify of
25 Comentários
Most Voted
Newest Oldest
Inline Feedbacks
View all comments
Alexandre Bosco
06/09/2018 7:22 am

Irmão que massa essas informações, sobre nomenclatura,cuidados, etc.. agregou muito, grato!!

Josimar Lima
Editor
06/09/2018 8:37 am

Mano eu cresci cultivando cogumelos mas para consumo culinario e hj quero experimentar pra chás expansores e pretendo na companhia de vcs de forma bem egregorada kk pois terei o apois dos irmãos.

Rafael Isaac Franchini
06/09/2018 9:38 am
Reply to  Josimar Lima

Rsrs eu tbm mano, quero ter essa experiência ao lado de vcs ! Será incrível!

Douglas Ceron
Editor
06/09/2018 12:11 pm
Reply to  Josimar Lima

Excelente post. NOssa.. me deixou apar de informações que eu mesmo ja tendo visto muito, nem imaginava que os cogumelos assim fossem devido a isso.. ^^ OBRIGADO!

Camila Ribeiro
06/09/2018 8:39 am

GRATIDÃO irmão pelas dicas !

Ronaldo
06/09/2018 8:42 pm
Reply to  Camila Ribeiro

Não vejo a hora de fazer expansão com vocês!

Rafael Isaac Franchini
06/09/2018 9:35 am

Muito legal irmão!
Quando eu era criança tenho uma lembrança vaga de que eu comia cogumelo 😱kkkk, e era de tronco de árvore , putz Velho sem noção ! (Deus no comando) protege as criancinhas.
Mas depois de velho nunca, quero ter essa experiência com vcs !

Romário Vieira
06/09/2018 10:04 am

Excelente irmão, já tive a oportunidade de colher, mas é sempre bom reforçar os cuidados e advertências.
Luz pra nós!

Admin bar avatar
06/09/2018 10:56 am

N sou mto fã de Chá mas pra utilização em comidas adoro ^^ boa matéria!

Ian Anderson
06/09/2018 11:27 am

Eu ja tinha pesquisado, mas vai me ajudar ainda mais, acho q vou no sítio do meu vizinho aaaaaaaaaaaaa, partiu caçar !

Sayle jr
06/09/2018 3:33 pm

Showww mano não vejo a hora de começar a caçada ♥

Deborah Hgg
06/09/2018 3:56 pm

Obrigada Samuel, vou sair em busca deles amanhã!! Muito respeito e gratidão por esses seres vivos.

Jucemar Mello
06/09/2018 9:10 pm

Caramba. Tô revivendo minha infância aqui, morei no sítio quando criança, fazíamos “guerrinha” com bostas de vaca 🐮, sim atiravamos bosta de vaca uns nos outros e depois tomávamos banho no açude ou rio. E realmente tinha muiito cogumelos 🍄. Só que naquele tempo tínhamos um conceito que cogumelos eram venenosos. Talvez não era o momento de saber o que era de fato, tudo no seu devido momento!

Gustavo
07/09/2018 11:14 pm
Reply to  Jucemar Mello

Quando achei pela primeira vez foi meio que um chamado…. Eu estava na chacara do sogro do meu tio e resolvi dar uma caminhada, ai no meio da grama bem no limpo tava la um cubensis brilhando! O coisa linda! Luz pra nós

João Pedro
09/09/2018 10:50 am
Reply to  Jucemar Mello

kkkkkkkkkk

João Pedro
09/09/2018 10:52 am
Reply to  Jucemar Mello

kk rsrs

gustavo gonçalves
06/09/2018 9:47 pm

expansão

Admin bar avatar
09/09/2018 10:51 am

Ainda bem que vi esse post a tempo.

João Pedro
09/09/2018 10:53 am
Reply to  Laura

pois é

João Pedro
09/09/2018 10:54 am

Queria achar um muscária no quintal…

Anna Laura
25/09/2018 9:50 am

Adorei! muito boas essas dicas.

Raquel Broll
23/04/2019 8:21 pm

Maravilhoso guia

Admin bar avatar
07/07/2019 6:21 am

Super post, top! Gratidão, Luz pra nós!

serginho
01/09/2019 4:42 pm

choveu ontem e ta chovendo hoje kk

Next Post

Não acredita na Terceira Visão? Ative a tua agora!

qui set 6 , 2018
Compartilhe a Verdade!Compartilhe a Verdade:Mesmo que você seja uma pessoa cética cientificista, que nunca nem mesmo tentou ver aura, muito menos acreditou, se permitir-se seguir esses procedimentos, certamente verá a manifestação do fenômeno que convencionaram chamar ”AURA”.   Eu ( Rogerio Souza) nunca havia visto aura, ainda que eu tivesse […]

Siga-nos os bons

Ative o Sininho

Clique Aqui

Quem está online

Thule Vril Sumeran-Aldebaran
Camila Ribeiro
Gabriel Ribeiro
Wellington Nascimento
Diego Nogueira
Paulo Henrique
Arthur Luighe
Jonathan Muniz
Dri

Você:

Teus Téritos bônus

0 Téritos

Selo

300 Téritos

People who have earned this:

  • Admin bar avatar
  • Admin bar avatar
  • Admin bar avatar
error

Seja caminho para a Verdade

25
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Pular para a barra de ferramentas