seg. out 14th, 2019

Soldado Israelense arranca a perna de garoto palestino com um tiro

Compartilhe a Verdade:


Menino palestino perde a perna depois que soldado israelense atirou nele enquanto recuperava a bola de futebol

O garoto palestino de 14 anos foi forçado a sofrer uma amputação na perna depois que um soldado israelense atirou nele enquanto recuperava uma bola de futebol perto do Muro de Separação na Cisjordânia ocupada ilegalmente por judeus.

De acordo com o Defense for Children International (DCIP), Mahmoud Salah, de 14 anos, da vila de Al-Khader estava jogando futebol com amigos na noite de 21 de maio, quando foi buscar a bola.

Um soldado israelense, em seguida, atirou na perna com munição real, após o que, o menino testemunhou, “dois soldados se aproximaram e o chutaram”.

Recolhido por uma ambulância cerca de 45 minutos depois de ser baleado, Mahmoud perdeu a consciência a caminho do hospital. Quando ele recuperou a consciência no dia seguinte, o DCIP relatou: “Mahmoud foi vigiado por soldados e soube que havia passado por duas cirurgias”.

“A equipe médica informou que sua perna esquerda havia sido amputada abaixo do joelho devido a danos irreversíveis no tendão”.

A triste atualização da ONG internacional de direitos das crianças também relatou um ferimento grave infligido a outra criança palestina pelas forças israelenses.

Em 24 de janeiro, um agente disfarçado de Israel matou Mohammad Qawasmeh, de 14 anos, no campo de refugiados de Shuafat, ocupando Jerusalém Oriental, quando o menino estava a caminho de comprar mantimentos.

Como resultado da minha lesão, passei por uma cirurgia, durante a qual os médicos removeram meu baço e costuraram meu estômago, rim e diafragma. Eu fiquei na unidade de terapia intensiva por quatro dias ”, afirmou Mohammad.

Durante sua internação hospitalar, “Mohammad foi vigiado pela polícia de fronteira de Israel e um de seus braços foi algemado à cama”. Quatro dias depois de serem baleados, as forças israelenses interrogaram Mohammad e o acusaram de jogar coquetéis Molotov.

“Maomé negou as acusações”, informou o DCIP, “e se recusou a assinar uma declaração em hebraico de que o interrogador ordenou que ele assinasse”. Ele foi liberado da detenção em 31 de janeiro e permaneceu no hospital até 3 de fevereiro para tratamento adicional.

– Estas são balas de borboleta ou “dum-dums”, são proibidas pela lei internacional, e seu uso é listado como um crime de guerra pelo Tribunal Penal Internacional, mas Israel tem usado essas balas contra manifestantes palestinos desarmados e crianças e a mídia oficial global fala que os terroristas são os Palestinos.
Imaginem então o que estes desgraçados de Israel fazem quando a revolta perante tanta covardia e injustiça faz com que estes guerreiros palestinos ataquem com Paus e pedras… 

  

De acordo com o DCIP, desde 2014 “as forças israelenses têm visado cada vez mais crianças palestinas com força letal intencional, muitas vezes no contexto de protestos”.

Entre janeiro e maio de 2019, o DCIP “documentou 55 casos de crianças palestinas feridas por munição real nas mãos das forças israelenses”.

“Crianças não judias estão em estado de imundície. Não passam de animais e devem ter suas cabeças esmagadas como a pior das serpentes”. – Talmud: Livro sagrado dos rabinos anciãos de Israel. 

 

 

Compartilhe a Verdade:


9
Deixe um comentário

Please Login to comment
9 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
9 Comment authors
Lin de OliveiraSayler Céfas 666Jonathan MunizThiago GalhasJuan Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Raquel Broll
Membro

Absurdo, covardia sem tamanho, como as pessoas pesam que tem o direito de prosperar sem reparar tantas injustiças? Gratidão irmão luz pra nós!

Deborah Hgg
Membro

Vish, que sacanagem hein, coitado do piá.

Márcio Henrique
Membro

Fico revoltado com uma coisa dessas. Judeus são pior que animais… animais imundos q se acham superiores

Juan
Editor

Muito tenso ver esse tipo de coisa, que toda essa injustiça se volte contra eles ..

Thiago Galhas
Membro

Triste e revoltante. Eles merecem arder!
Luz p’ra nós.

Jonathan Muniz
Admin
Jonathan Muniz

Logo chegara o momento da justiça reinar sobre a injustiça a simetria não falha e dará a cada um o que merecem e que seja feita a vontade de Deus Luz p’ra nós!

Sayler Céfas 666
Membro

Bando de covardes! !!
Queria ver se fosse ao contrário esses ratos iriam fazer o maior
Escândalo na mídia!

Lin de Oliveira
Membro
Lin de Oliveira

É revoltante a covardia desse malditos …
Gratidão pelo post irmão …