O conto do sábio chinês – Raul Seixas

5ca4a137262abf6eea358047d210e3a4 - O conto do sábio chinês - Raul Seixas

Compartilhe a Verdade:


Raulseixismo luciferiano -Part: 3 Explanando músicas do Raul Seixas.

 

O conto do sábio chinês – Raul Seixas

09dbde2b4311b6d96cd4e0ddaedee6f0 - O conto do sábio chinês - Raul Seixas

Salve irmãos, mestres, alunos e leitores em geral. Venho através dessa matéria dar continuidade a série de músicas do Raul Seixas sendo traduzidas na ótica do corpo da coerência.
Essa não irei traduzir por trechos pois ela é em sua totalidade um conto chinês ( não me diga, rs ).
Essa música que escolhi é uma singela homenagem ao mestre Bob Navarro pois já ouvi ele mais de uma vez comentar que gosta dessa música do Raul Seixas. 
Primeiramente analisem a letra da música, ouçam ela quem ainda não conhece 
Lembre se sempre, se você entender um único processo que explicamos aqui na escola, você entende tudo. TUDO
O conto do sábio chinês – Raul Seixas

“Era uma vez

Um sábio chinês
Que um dia sonhou
Que era uma borboleta
Voando nos campos
Pousando nas flores
Vivendo assim
Um lindo sonho
Até que um dia acordou
E pro resto da vida
Uma dúvida lhe acompanhou:
Se ele era um sábio chinês
Que sonhou que era uma borboleta,
Ou se era uma borboleta sonhando
Que era um sábio chinês
Se ele era um sábio chinês
Que sonhou que era uma borboleta,
Ou se era uma borboleta sonhando
Que era um sábio chinês” 

O Conto Do Sábio Chinês Que Sonhou Ser Uma Borboleta

cf38e6cb0869a0be797aa9129a34636d - O conto do sábio chinês - Raul Seixas

O Paradoxo de Chuang Tzu ( Paradoxo que causa o movimento )
” Era uma noite fresca na China antiga. Um amigo de Chuang Tzu foi procurá-lo numa estalagem local. Chegando lá, encontrou-o sentado numa mesa, bebericando seu chá com um semblante contemplativo.
– Aí está você ! – disse o amigo de Chuang Tzu. – Achei que estivesse contando a todos mais uma de suas histórias. Por quê está tão calado?
– Há uma questão em minha mente – disse Chuang Tzu. – Uma questão sobre a existência.
– Entendo. Você quer que eu lhe deixe sozinho com seus pensamentos?
– Não, gostaria de compartilhá-la com você. Talvez você possa me ajudar com sua perspectiva.
– Minha perspectiva é de pouco valor, mas ficarei contente em ouvir – ele puxou uma cadeira.
– Saí para uma caminhada no final da tarde –, começou Chuang Tzu. – Fui até um de meus lugares preferidos embaixo de uma grande e frondosa árvore. Ali sentei e comecei a pensar no significado da vida. Estava tão fresco e agradável que logo relaxei e peguei no sono. Comecei então a sonhar que estava sobrevoando um belo campo florido. Olhei para trás e vi que tinha asas. Elas eram grandes e bonitas e se agitavam rapidamente. Eu havia me transformado numa borboleta! Senti uma enorme sensação de liberdade e alegria ao voar suavemente em qualquer direção que quisesse. Tudo nesse sonho parecia completamente real em todos os sentidos, tanto que, depois de um tempo, eu me esqueci por completo que um dia fora Chuang Tzu. Eu era simplesmente uma borboleta e nada mais.
– Eu tive sonhos em que voava, mas nunca como uma borboleta – o amigo respondeu. – Esse sonho me parece uma experiência maravilhosa.
– E foi, mas como todas as coisas, cedo ou tarde teve que acabar. Lentamente, acordei e percebi que eu era novamente Chuang Tzu. Isso é que me intriga.
– O que há de tão intrigante? Você teve um belo sonho, só isso.
– E se eu estiver sonhando agora? Essa conversa que estou tendo com você parece real em todos os sentidos, assim como meu sonho. Eu achei que era Chuang Tzu que tivesse sonhado ser uma borboleta. Mas, e se sou uma borboleta que, agora mesmo, está sonhando ser Chuang Tzu?
– Bem, eu posso lhe afirmar que você é realmente Chuang Tzu e não uma borboleta.
Chuang Tzu sorriu: – Você pode ser simplesmente parte do meu sonho, nem mais nem menos real do que qualquer outra coisa. Assim, não há nada que você possa fazer para me ajudar a identificar a distinção entre Chuang Tzu e a borboleta. Essa, meu amigo, é a questão essencial sobre a transformação da existência. ”
b7b13c73fdceb41120c94742aeaabe7b - O conto do sábio chinês - Raul Seixas

Quando Chuang Tzu se perguntou sobre ser uma borboleta sonhando com sua existência como um ser humano, ele questiona toda a natureza da realidade. O que é
real? O que garante que sua vida é mais verdadeira que um sonho que você tem durante a noite? Quem garante que não está sonhando bem agora que está lendo esse texto, tendo suas experiências cotidianas ( Cognitivas )…  Você se lembra como chegou a este mundo? A experiência de ganhar consciência dentro desta ”realidade” não é estranhamente similar à experiência de acordar de um sono profundo?
Bom eu já expliquei muitas vezes já e aqui no portal você encontra muita informação sobre o fato de que a realidade se trata de constatações cognitivas, do PROCESSO consciencial 7/12 ( corpo da coerência } e é esse processo que possibilita a sensação espaçotemporal. São as 7 camadas do átomo (K,L,M,N,O,P,Q ), que são refletida pelos 7 chacras internos. É a relação da luz consigo mesma. É o processo TORUS. Bom isso é a base da estrutura consciencial, se você ta chegando agora, sendo honesto com sigo mesmo, verifique ai se você já assimilou essa base, esse processo, se constatar que não, precisa aprofundar mais no assunto e eu não quero repetir a mesma coisa toda vez, é tedioso pra quem lê e já entendeu e também pode se tornar cansativo pra mim ( a segunda opção é a menos provável de acontecer ). Para um melhor entendimento acessem outros materiais como esses: “Cortem O Rei” Lúcifer o messias!“,  “Geometria Sagrada – Momentos eternos”  , “O que a ciência já vê sobre a Verdade Universal”  dentre outros e leiam a obra Lúcifer, façam os cursos iniciáticos pra maior e melhor aprofundamento.  
No sonho Chuang Tzu tinha plena certeza de ser uma borboleta, até se esquecendo qual era a sua personalidade fora do sonho, portando, ali naquele momento ele era de fato uma borboleta, mas que de repente foi surpreendida ao se deparar de volta a uma personalidade humana. Essa história esconde ( mostra , depende do observador ) em suas linhas, que todos nós estamos conectados em quinta dimensão por esse processo atemporal, juro que até coço de vontade de descrever mais uma outra vez como se da esse processo ( 7/12 ), entender esse processo foi a maior e melhor descoberta de todas em minha(s)  vida(s) ( desta, do passado e do futuro). Nossas existências estão interligadas e não limitadas pelo espaço-tempo, a consciência é fundamental existência do Universo e somos todos uma coisa só  ( é o que vem sendo falado pelos físicos quânticos, no experimento da dupla fenda mostra isso, é a moda do momento ).
Analisamos rapidamente o conto em si, vamos pra música propriamente dita 
Todos entendemos que a vida é uma “ilusão sensorial”, o que de fato é real são os momentos eternos que cada um de nós passamos por lá sustentando ad infinitum esses momentos. Se você acordar desta ilusão e entender que sem o preto não existe o branco, sem o esquerdo não há a direita, baixo x alto, claro x escuro, tudo x nada, ying x yang etc… pra se ter o “Eu” é necessário que haja “outros”, que a vida implica na “morte”, ou a morte implica na “vida”. Você não irá se sentir como algo que chegou aqui por acaso. Você vai sentir que sua existência é fundamental.
SONHAR
2dd0d9d489e36082a2f277ad985c3b64 - O conto do sábio chinês - Raul Seixas
 Vamos supor que você  pudesse sonhar qualquer tipo de sonho toda noite. Qualquer sonho que você quisesse sonhar, sem limites, sem fronteiras, toda noite. Numa noite só você pode sonhar uma vida inteira, de sei lá, 80, 90 anos só numa noite. Ou qualquer duração de tempo que escolha ter. Você provavelmente iria realizar todos seus sonhos, seus desejos. Você experimentaria todos desejos, sonhos, prazeres, medos até, etc, tudo que pode imaginar ai agora. Depois de muitas noites dessas, de puro prazer,” ta, isso foi demais, isso foi ótimo, mas e agora? Preciso de uma surpresa, preciso ser surpreendido com algo. Quero ter uma surpresa. Quero ter um sonho que fuja ao meu controle, que não vai tá sobe meu controle, algo aconteça comigo e eu não tenha certeza do que será”. Depois sairia desse sonho e diria, “caramba, dessa vez foi tudo inesperado”. Então ao entender isso você iria querer criar mais e mais aventuras, apostaria cada vez mais no que sonharia. Até chegar ao ponto de sonhar… onde você está agora lendo essa matéria! Você sonharia o sonho de viver a vida que está vivendo hoje. Isso estaria dentro das infinitas possibilidades de você brincar que não é Deus. 
A natureza da Divindade ( Deus ) é “fingir” que Ele não É. 
 Assim entendemos que todos somos essa “realidade última ” 
Todos somos Deus brincando de não ser. Por isso na música mostra o paradoxo entre ser e não ser, entre quem está sonhando? tudo é constatação, movimento.
Sempre respeite seu corpo, a estrutura que o compõe, aquilo que o mantém coeso, que nos matem coesos.
Você novato, busque entender os pilares 7/12 pra poder absorver melhor as perspectivas aqui apresentadas.
Acordar pra quem nós somos, exige desapego de quem nós imaginamos ser!9c61ac63d28d78217140c6169f9d7d20 - O conto do sábio chinês - Raul Seixas

Você novato em nossa escola, confira esse vídeo onde explico o processo consciencial:

Pra fechar com chave de ouro, uma síntese final:

“Sonho que se sonha só é só um sonho que se sonha só, más sonho que se sonha junto é realidade”

Sonho e realidade só se diferenciam no aspecto de que um é um sonho paralelo, individual a imagem e semelhança da torus coletiva, onde você pode pintar o quadro a vontade, já o outro é um sonho coletivo, compartilhado. Mas voltamos no paradoxo que causa o movimento de novo ( O Paradoxo de Chuang Tzu ), como você faz pra identificar qual é qual? Quem está sonhando com o que ou quem?  A realidade é um processo e é isso que precisa ser entendido/sentido. O sono/sonho é como  experimentar a morte.

O Momento da Morte

Alquimia Simples para Programação de Sonhos

 

Esse é um tema bem abstrato eu diria, não sei se ficou clara a mensagem, se conseguiram ligar tudo que falei com a música. Movimentem ai entre os vídeos e matérias relacionadas ai e todo entendimento será alcançado sem sombras de duvidas.

Quem foi Chuang-Tzu: CLICA AQUI

Galera, vamos ajudar ai nos anúncios. 

Vamos contribuir ao máximo como pudermos, interagindo no site, clicando nos anúncios, adquirindo itens da loja como camisetas, o livro, anéis, etc. Vamos fortalecer nosso reino irmãos! 

Interajam com as matérias, deixem seus comentários e etc…

Cada um ajuda como pode, é por nós e pra nós. Pela justiça Divina na Terra.

LUZ P’RA NÓS

 

 

 

 

42
Deixe um comentário

Please Login to comment

Entre com:




18 Comment threads
24 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
17 Comment authors
Admin bar avatarMarcio Alves Otero Barco JuntorCamila RibeiroAdmin bar avatarRenan Fontanella Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Miryam Yoshiko

Sempre magnífico mestre!
Lembrei do filme “inception’. Mas para além disso (nunca usei esse termo, ouço muito Rogerio usar, eu usava apenas “além disso” rs), desdobrei muito com a sua síntese, são pérolas !
Luz p’ra nós ✨

ivan
Membro
ivan

toca raulllllllllllll!!!!
luz pra nos

João Paulo
Membro
João Paulo

Luz p’ra nós!

Gracieli Silva Ortega
Membro
Gracieli Silva Ortega

Publicação Incrível!
O sentir que sabe, que está lá, mas no momento não é o que realmente é, ou escolhe não ser.

João Paulo
Membro
João Paulo

Luz p’ra nós!

Larissa
Membro
Larissa

otimooooo …💓✌

João Paulo
Membro
João Paulo

Luz p’ra nós!

Dri
Membro
Dri

Noossaa!!! Foda essa matéria!!!
Sem mais…
Luz p’ra nós

João Paulo
Membro
João Paulo

Luz p’ra nós!

Membro

Uma experiência indescritível percorrer cada linda dessa matéria e entender por meio da lógica e sensação o que foi passado. Lembrei da época que entrei em contato com esse conhecimento , seus vídeos foram de grande valia no meu processo, passava o dia todo te escutando rs. Cara, você é incrível rs é como se você estivesse desenhando quando fala sobre o 7/ 12! Muita gratidão por sua dedicação, mestre Leandro.
Luz pra nós!

João Paulo
Membro
João Paulo

Luz p’ra nós!

KAique Freit EDL
Editor
KAique Freit EDL

Luz p’ra nós!

João Paulo
Membro
João Paulo

Luz p’ra nós!

Renan Fontanella

Luz p’ra nós.

Admin bar avatar
Membro
Wellington

Luz p’ra nós!

Marcio Alves Otero Barco Juntor
Membro
Marcio Alves Otero Barco Juntor

Post incrível mestre, bem completo parabéns

Márcio Henrique Brito Vieira
Membro
Márcio Henrique Brito Vieira

Show!!

João Paulo
Membro
João Paulo

Luz p’ra nós!

Membro
Francineide Araujo

excelente!!!!

João Paulo
Membro
João Paulo

Luz p’ra nós!

Douglas Ceron
Editor

Como amante de todo o trabalho e história de Raul Hoje estou realmente surpreso na mesma proporção qual fico grato, mestre irmão Leandro pelo seu esplendoroso trabalho em trazer até nós esta síntese detalhada. Esta música é uma das quais eu mais ouço no cotidiano, já havia tido muitos desdobramentos sobre a mensagem, mas agora com sua explanação, abriu-se uma gama ainda maior e mais magnífica perante a mensagem que ela passa. Simplesmente incrível! Sem palavras! Para todos aqueles que realmente apreciam a vibração de Raulzito, desfrutar disso da forma que eu desfruto é simplesmente divino. Muito obrigado pelo trabalho!… Read more »

João Paulo
Membro
João Paulo

Luz p’ra nós!

Camila Ribeiro
Membro
Camila Ribeiro

Ótimo post , luz pra nós !

Camila Ribeiro
Membro
Camila Ribeiro

Salve mestre Obrigado pelo post ficou ótimo!
Luz pra nós 🙏🙌

Admin bar avatar
Editor

Essa musica é muito linda velho!