Israel pretende subornar países para moverem suas embaixadas para Jerusalém

Compartilhe a Verdade!

Compartilhe a Verdade:


Israel planeja pagar milhões de dólares em subornos para transferir embaixadas estrangeiras para a cidade ocupada de Jerusalém (Al-Quds).

Conforme relatado pelo jornal local  Israel Hayom , o ministro das Relações Exteriores de Israel, Israel Katz, está preparando uma iniciativa oficial para encorajar outros países do mundo a mudar suas embaixadas de Tel Aviv para a parte leste de Al-Quds.

De acordo com este relatório, Katz tenta apresentar a ideia na próxima reunião do gabinete israelense como um “objetivo nacional, diplomático e estratégico de primeira classe”. Para atingir esse objetivo, Katz formulou um pacote de incentivo no valor de 50 milhões de shekels (US $ 12,4 milhões).

Os fundos seriam usados ​​para propor a outros países, supostamente para financiar as despesas de sua nova embaixada em Al-Quds e a realocação da residência de seus embaixadores, bem como para localizar e designar propriedades adequadas para seus diplomatas, explica o jornal israelense.

No momento, apenas os Estados Unidos e a  Guatemala mudaram suas embaixadas para o Al-Quds , depois que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reconheceu em dezembro de 2017 a cidade palestina como “capital” de Israel. O Paraguai foi o segundo país que anunciou que seguiria os passos da Casa Branca, mas reverteu a decisão pouco depois.

A decisão do governo dos EUA gerou a condenação e a rejeição de grande parte da comunidade internacional, uma vez que considerou que ela viola o direito internacional e põe em risco a possibilidade de uma solução pacífica para a questão da Palestina.

A medida também foi rejeitada por uma esmagadora maioria de países. No final de 2017, a Assembleia Geral das Nações Unidas  (AGNU) condenou , numa resolução, a controversa medida com 128 votos a favor, 9 contra e 35 abstenções.

Após a decisão do inquilino da Casa Branca de transferir a sede diplomática do seu país para Al-Quds, Israel tem trabalhado para encorajar outras nações a seguirem o exemplo, em um claro desafio às resoluções das Nações Unidas que consideram ” ilegal ”qualquer imposição da lei ou jurisdição israelense sobre esta cidade.

Fonte: TV Hispan

Compartilhe a Verdade:



Compartilhe a Verdade!

Bruna Rocha

12
Deixe um comentário

Please Login to comment

Entre com:




11 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
11 Comment authors
Admin bar avatarMiryam YoshikoGustavo KraemerDeborah HggJonathan Muniz Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Juan
Editor

vamos lá, mostrem a submissão a Israel..

Thiago Galhas
Visitante

Maldita falsa israel, desse falso povo eleito!
Grato pelo post, irmã!

Matheus Andrade
Membro

Vão construir esse lugarzinho e depois vão ter que voltar pra lá querendo ou não.

Matheus Andrade
Membro

Up no post e luz pra nós

Márcio Henrique
Membro

Luz pra nós!

Raquel Broll
Membro

Compartilhado irmã, gratidão pelo post, corajosa guerreira como sempre !

Douglas Ceron
Editor

Sempre o maldito dinheiro metendo o nariz destes malditos!
Luz pra nós!

Jonathan Muniz
Editor
Jonathan Muniz

Luz p’ra nós!

Debora Hq
Membro

Bem a cara deles fazer isso né, os donos do papel… Quero ver se vão comer e respirar papel tbm… Obrigada pela matéria! Luz pra nós!

Gustavo Kraemer
Editor

Se não fosse tudo um teatro, israel nem existiria mais com tanta ameaça que sofreria da ONU, tolerante como sempre.
Gratidão pelo ost irmão
Luz pra nós!

Miryam Yoshiko
Admin

Inreressante o Paraguai ter voltado atrás. Mas com certeza isso é um ótimo sinal, além de que Israel tem que subornar países pra concordar com a intenção.

Admin bar avatar
Membro
Henrique Barboza Vaz

Fazem tudo na base do suborno, da enganação. Luz pra nós!

Next Post

Ativista israelense prefere prisão ao serviço militar em protesto contra ocupação

ter jul 30 , 2019
Compartilhe a Verdade!Compartilhe a Verdade: Ativista israelense prefere prisão ao serviço militar em protesto contra ocupação “Não há justificativa para dominação. Não há moralidade na ocupação.” Mattan Helman em uma captura de tela do vídeo “Morality and Conscience Face Every Law”, publicado no YouTube pelo SocialTV. Mattan Helman, 20 anos, se […]

Siga-nos os bons

Ative o Sininho

Clique Aqui

Quem está online

Mateus Silva
Dri
Eduardo Francisco
Gabriel Ribeiro
Aurélio 🇧🇷 ❄

Você:

Teus Téritos bônus

0 Téritos

Selo

300 Téritos

People who have earned this:

error

Seja caminho para a Verdade

Pular para a barra de ferramentas