Governo Dória de SP usa carne de frigorífico interditado na merenda escolar

Compartilhe a Verdade:


A gestão de Dória fechou contrato com três frigoríficos que tiveram atividades suspensas pelo Ministério da Agricultura. O produto de ao menos uma das empresas continuou a ser entregue a colégios estaduais mesmo após a aplicação da penalidade.

O ministério informou que determinou a suspensão das atividades dos frigoríficos após constatar fraude econômica.

Embora não tenha detalhado a natureza das autuações, fraude econômica consiste em comercializar um produto diferente do que o que foi combinado —por exemplo, vender carne de segunda como se fosse de primeira, ou misturar rejeitos à carne.

Os três frigoríficos com atividades suspensas respondem pelo fornecimento da maior parte das carnes servidas aos alunos desde o ano passado.

Segundo o Ministério da Agricultura, a suspensão das atividades da NS Alimentos foi determinada em 30 de janeiro. Ainda assim, a empresa firmou no dia 11 de fevereiro contratos com a Secretaria da Educação do estado no valor de R$ 7,9 milhões para compra de carnes.

Reclamações com a merenda são problemas constantes, alimentos estragados, de má procedência e mal conservado são levados aos pratos de jovens e adolescentes que muitas vezes, só tem a alimentação de escola durante grande parte ou até mesmo todo o dia.

Compartilhe a Verdade:


4
Deixe um comentário

Please Login to comment

Entre com:




4 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
4 Comment authors
DriDouglas CeronBruna Sollara Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Dri
Membro
Dri

Parabéns a tanta empatia do governo!!!!🤬😡
LuZ e paciência p’ra nós

Membro
Guilherme Pires

Ai é capaz que o bolsominion justifique o erro: “mais no governo do alckmin se roubava o dinhero da merenda…”

Bruna Sollara
Membro
Bruna Sollara

Isso é muito triste.
Luz pra nós

Douglas Ceron
Editor

Tipico Sionista desgraçado!
Luz pra nós!