Cap 6 – Desvendando o Apocalipse

BOMBA - Cap 6 - Desvendando o Apocalipse

Compartilhe a Verdade:


Cap 6 – Desvendando o Apocalipse

Salve galera, continuando a série… Ajudem no merch por favor! Lembrem a todos durante o dia! IMPORTANTE!

Quem puder comprar Térito ou produtos, por favor compre. Obrigado.

Luz p’ra nós

 

Apocalipse 6

E, havendo o Cordeiro aberto um dos selos, olhei, e ouvi um dos quatro animais, que dizia como em voz de trovão: Vem, e vê.
E olhei, e eis um cavalo branco; e o que estava assentado sobre ele tinha um arco; e foi-lhe dada uma coroa, e saiu vitorioso, e para vencer.
E, havendo aberto o segundo selo, ouvi o segundo animal, dizendo: Vem, e vê.
E saiu outro cavalo, vermelho; e ao que estava assentado sobre ele foi dado que tirasse a paz da terra, e que se matassem uns aos outros; e foi-lhe dada uma grande espada.
E, havendo aberto o terceiro selo, ouvi dizer o terceiro animal: Vem, e vê. E olhei, e eis um cavalo preto e o que sobre ele estava assentado tinha uma balança em sua mão.
E ouvi uma voz no meio dos quatro animais, que dizia: Uma medida de trigo por um dinheiro, e três medidas de cevada por um dinheiro; e não danifiques o azeite e o vinho.
E, havendo aberto o quarto selo, ouvi a voz do quarto animal, que dizia: Vem, e vê.
E olhei, e eis um cavalo amarelo, e o que estava assentado sobre ele tinha por nome Morte; e o inferno o seguia; e foi-lhes dado poder para matar a quarta parte da terra, com espada, e com fome, e com peste, e com as feras da terra.
E, havendo aberto o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que foram mortos por amor da palavra de Deus e por amor do testemunho que deram.
E clamavam com grande voz, dizendo: Até quando, ó verdadeiro e santo Dominador, não julgas e vingas o nosso sangue dos que habitam sobre a terra?
E foram dadas a cada um compridas vestes brancas e foi-lhes dito que repousassem ainda um pouco de tempo, até que também se completasse o número de seus conservos e seus irmãos, que haviam de ser mortos como eles foram.
E, havendo aberto o sexto selo, olhei, e eis que houve um grande tremor de terra; e o sol tornou-se negro como saco de cilício, e a lua tornou-se como sangue;
E as estrelas do céu caíram sobre a terra, como quando a figueira lança de si os seus figos verdes, abalada por um vento forte.
E o céu retirou-se como um livro que se enrola; e todos os montes e ilhas foram removidos dos seus lugares.
E os reis da terra, e os grandes, e os ricos, e os tribunos, e os poderosos, e todo o servo, e todo o livre, se esconderam nas cavernas e nas rochas das montanhas;
E diziam aos montes e aos rochedos: Caí sobre nós, e escondei-nos do rosto daquele que está assentado sobre o trono, e da ira do Cordeiro;
Porque é vindo o grande dia da sua ira; e quem poderá subsistir?

Apocalipse 6:1-17

12
Deixe um comentário

Please Login to comment

Entre com:




12 Comment threads
0 Thread replies
1 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
12 Comment authors
Arthur LuigheWakson SilvestreMarcio Alves Otero Barco JuntorKAique Freit EDLJucemar Mello Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Leandro Quantum Oliveira.
Editor

Só força mestrão. Luz p’ra nós.

Ariel dos Santos
Membro
Ariel dos Santos

Gratidão, luz p’ra nós!

Raquel Broll
Membro
Raquel Broll

Luz p´ra nós!

Admin bar avatar
Membro
Richard Maquiavel

Gratidão mestre. Luz pra nós!

Eduardo L. F.
Membro
Eduardo L. F.

afff não ta saindo kkk era pra ser duas mãos em reverência xD

Luis Carlos Van Haandel Leopoldino
Editor

Luz p’ra nós mestre!

Thiago Galhas
Membro

Sem palavras, mestre.
Luz p’ra nós!

Jucemar Mello
Membro
Jucemar Mello

É pura emoção ouvir as palavras do Rei, Jesus é Parsa demais, é puro amor !! A energia é tão forte que eu fico tonto depois que termino de ouvir! Gratidão Bob!

KAique Freit EDL
Editor
KAique Freit EDL

Tamo junto Bob!!
Luz p’ra nós

Marcio Alves Otero Barco Juntor
Membro
Marcio Alves Otero Barco Juntor

Gratidão mestre, luz pra nós!

Wakson Silvestre
Membro
Wakson Silvestre

Um só corpo, luz pra nós mestre.

Arthur Luighe
Membro
Arthur Luighe

Podendo tentar ouvir essa só agora.