qua. abr 14th, 2021

Arboescultura é arte viva

Compartilhe a Verdade!

Compartilhe a Verdade:


Arborescultura é uma técnica muito curiosa e interessante de arte, onde são usadas árvores vivas para se criar esculturas. Vale salientar que esta técnica se mostra ecologicamente correta, uma vez que as árvores utilizadas não serão cortadas e sim transformadas em objetos de arte, decoração e utilitários enquanto vivas. Porém, a natureza pede paciência e a paciência requer tempo, tempo para que as árvores possam crescer e serem moldadas.

Essa técnica de moldar árvores tem sido praticada há várias centenas de anos como demonstram as pontes vivas construídas das raízes de árvores, na Índia pelo povo Khasi. Na maior parte do mundo, quando é necessária uma ponte a mesma é construída a partir de madeira, aço ou concreto. Mas, em Cherrapunji no nordeste da Índia, os habitantes ainda têm a paciência de seus ancestrais. Eles aprenderam a simplesmente “persuadir” as árvores próximas aos rios e riachos a crescerem em pontes naturais. O processo leva muitos anos, mas o resultado é completamente natural, surpreendentemente forte, e se parece com algo saído de um maravilhoso mundo de mágico.

A ideia é conseguir formar diferentes formas com os galhos das árvores que estão crescendo. Os artesãos da natureza controlam o crescimento da planta para que ela ganhe o formato desejado. Richard Reames é um destes artistas contemporâneos, responsável por este tipo de escultura. Ele sempre viveu no meio de árvores, gazebos, móveis e casas na árvore. Toda essa vivência serviu de inspiração para as arboresculturas que ele produz. Reames popularizou a arboesculturas quando lançou em 1995 o livro intitulado “Como cultivar uma cadeira”.

Na década de 1920, um homem na Califórnia chamado Axel Erlandson, filho de imigrantes suecos, começou a experimentar várias técnicas de arboescultura. Ele passou sua juventude numa fazenda, onde conquistou a habilidade de criar projetos complexos de ramos e caules. Em 1947, ele transferiu várias de suas criações adultas para um terreno adquirido na cidade de Scotts Valley, onde mais tarde criou o museu chamado “The Tree Circus”, atraindo visitantes de todo o país. Após a morte de Axel, em 1964, os herdeiros mudaram o nome do Circos das Árvores para “O Mundo Perdido”, incorporando as árvores inusitadas do parque, dinossauros feitos de plástico, mas não surtiu o efeito desejado nos visitantes e meses depois, desfizeram dos dinossauros.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Portais
 Fortaleça no merch!

escoladelucifer.com.br
unebrasil.org
unebrasil.com.br
unebrasil/livrolucifer
querovencer.unebrasil.com.br
congressoonline.org/

Luz p’ra nós!

 

 

 

 

Compartilhe a Verdade:


5 1 vote
Article Rating

Compartilhe a Verdade!

Entre com:





Subscribe
Notify of
14 Comentários
Most Voted
Newest Oldest
Inline Feedbacks
View all comments
Hitler
05/03/2021 6:34 pm

Que interessante! Essas cadeiras feitas de árvore viva são fodas!

Last edited 1 mês atrás by Hitler
Silvia Cristina Rodrigues
05/03/2021 6:35 pm

Incrível, cada técnica impressionante! LPN✨

Silas Ramos da Silva Junior
Editor
05/03/2021 7:57 pm

Belas artes, Luz pra nós!

Williams Rodriguez
05/03/2021 10:56 pm

Luz pra nós!

Maria Fernanda
05/03/2021 11:01 pm

Uau… lindo! Luz p’ra nós!

Admin bar avatar
06/03/2021 1:45 am

Luz p’ra nós!

Beatriz Belato
06/03/2021 12:15 pm

Luz p’ra nós

Gustavo Borba
06/03/2021 10:57 pm

Mano… show!
Luz p’ra nós!

José Ricardo Dos Santos
06/03/2021 11:23 pm

Luz p’ra nós.

Diego Costa
06/03/2021 11:36 pm

Muito relevantes, bonitas e ecologicamente corretas. Genial

Lucas Schwarzbold
Editor
07/03/2021 3:38 pm

Luz pra nós 🙏🏾

Shirley Oliveira
10/03/2021 8:14 pm

Muito massa!
Luz p´ra nós.

Macauley Shivaya ''Mago''
13/03/2021 12:58 am

Luz para nós!!!

Rômulo Matheus Lins
15/03/2021 11:09 pm

Luz p’ra nós!

error

Seja caminho para a Verdade

14
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Pular para a barra de ferramentas