A PSICOLOGIA NA SITUAÇÃO DE CRISE

Compartilhe a Verdade!

Compartilhe a Verdade:


A PSICOLOGIA NA SITUAÇÃO DE CRISE: COMPREENSÃO FUNDAMENTAL

 

A psicologia é uma ciência fundamental nas situações de crise, uma vez que ocupa um lugar intermediário entre as Ciências da Saúde e as Ciências Humanas, o que lhe confere um status de ciência interdisciplinar e, para alguns, transdisciplinar.

Primeiro, vamos ao elemento biológico da história: Uma epidemia (ou pandemia) viral acontece, quando as pessoas ainda não desenvolveram anticorpos para enfrentar o agente agressor (vírus). É certo que, com o tempo e as ações epidemiológicas tais fatores serão reduzidos (controlados). Assim, é fundamental seguir as orientações das autoridades de Saúde, nacionais e internacionais, que se centram na higienização do ambiente e do corpo, principalmente as mãos, e o isolamento social, enquanto a ciência trabalha procurando quais são os melhores medicamentos e fundamentalmente a vacina para controlar a crise epidêmica. Lembremos que o coronavírus tem baixa letalidade.

O fator psicológico é também fundamental e não deve ser menosprezado, pois está em curso em nosso país e pode ser observado em discursos contraditórios de políticos que precisam (precisariam) estar alinhados para uma boa gestão da Saúde Pública.

Desta forma, a psicologia do quadro epidemiológico como o que estamos vivendo pode ser compreendida, a partir do clássico modelo de Kübler-Ross. Portanto, é possível analisar, compreender a questão em cinco etapas que apresentarei a seguir, adaptadas ao momento presente.

Primeiro há uma tendência em “negar” os fatos imputando à situação ao exagero das pessoas, ou das autoridades, ou simplesmente achar que “Deus irá lhe proteger”, portanto não é preciso tomar nenhuma providência. Depois há um momento de “medo”, quando as pessoas saem comprando coisas para estocar e têm medo até de olhar para o outro. Nesta fase podemos sair correndo para o hospital sem nenhuma necessidade, só porque tossimos ou demos um espirro mais forte. Associado a esse segundo momento podem vir sentimentos de “raiva” (encontrar culpados), brigar para conseguir estocar comida, ou achar que há privilégios no atendimento em saúde; Por fim, a “tristeza” (depressão) que em última instância trata do medo fundamental que nos habita, qual seja, o de morrer. Sim, nos momentos de epidemia todos somos “desenganados” pois a vida está de fato em risco.

No caso da epidemia que estamos vivendo é muito complicada a tristeza, pois ela afeta diretamente o sistema imunológico que tende a baixar as defesas e, então, ficamos propensos a uma gripe para reforçar nosso estado de espírito. O que, neste caso, pode ser catastrófico. Por fim, vem a “aceitação” quando entendemos que as coisas ficarão bem. E ficarão mesmo, então enfrentamos a situação com ânimo para vencê-la.

O triângulo raiva-medo-tristeza pode ir se alternando entre si. Para os idosos o circuito binário medo-tristeza pode ser devastador. O isolamento social para o idoso é um dos principais fatores que pode levar à depressão, por isso é fundamental procurarmos formas de preencher o vazio existencial imposto pelo isolamento, que pode ser bem comum ao idoso.

A “aceitação”, fase final do processo, é certamente fruto de um processo de amadurecimento psicológico de enfrentamento da crise, ou seja, centra-se na capacidade de resiliência. Então, cantar, contar histórias, e outros que tais, são fundamentais.

Analise a você mesmo e procure encontrar em que fase você está. O aplauso aos profissionais de saúde, aos balconistas que não podem ficar em isolamento é fundamental, isso eleva a autoestima desses profissionais que estão em maior risco.
O Brasil, diferente da Europa, tem uma situação mais crítica, pois nosso degrau social coloca muitas, mas muitas pessoas em risco. Então é sempre preciso procurar estender a essas pessoas benefícios que muitos de nós temos para o enfrentamento da crise. Assim, alimentação e insumos de higienização e limpeza são fundamentais, mas uma palavra amiga também o é.

Temos que batalhar para que nosso país se torne mais igual, mas agora nossa militância precisa se centrar em preservar a vida da forma mais humana possível.

Compartilhe a Verdade:



Compartilhe a Verdade!

7
Deixe um comentário

Please Login to comment

Entre com:




7 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
7 Comment authors
MichellyMárcio HenriqueDaniela CristinaAriel dos SantosLucas Schwarzbold Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Mateus Silva
Membro
Mateus Silva

Luz p’ra nós!

Luiz Cláudio
Membro
Luiz Cláudio

Luz p’ra nós!

Lucas Schwarzbold
Membro
Lucas Schwarzbold

Luz pra nós

Ariel dos Santos
Membro
Ariel dos Santos

Luz p’ra nós!

Daniela Cristina
Membro

Luz p’ra nós!!!

Márcio Henrique
Membro

Luz pra nós!

Michelly
Admin

Luz p’ra nós!

Next Post

Empresa brasileira cria teste que detecta o coronavírus em 10 minutos

qua mar 25 , 2020
Compartilhe a Verdade!Compartilhe a Verdade:Teste foi desenvolvido em cerca de 4 semanas, e precisão nos resultados pode chegar a 99%. Custo para o consumidor final é estimado em R$ 130.   A empresa curitibana Hi Technologies desenvolveu um teste rápido para o coronavírus, capaz de emitir um diagnóstico em apenas […]

Siga-nos os bons

Ative o Sininho

Clique Aqui

Quem está online

Victor Hugo B. de Melo
Sayler Céfas
Matheus Andrade Lispecter

Você:

Teus Téritos bônus

0 Téritos

Selo

300 Téritos

People who have earned this:

  • Admin bar avatar
  • Admin bar avatar
  • Admin bar avatar
error

Seja caminho para a Verdade

Pular para a barra de ferramentas