A arte que revela o Divino

Alex Gray é um artista americano bastante conhecido por seu trabalho psicodélico e cheio de simbologia, algo conhecido como “arte visionária”. Seu trabalho passeia pela pintura, instalação, process art e outros projetos nos quais o artista tem envolvimento. As obras de

Alex são extremamente elaboradas, cheias de detalhes da anatomia humana e carregadas de significados transcendentais.

Alex Gray nasceu em Columbus, Ohio, em 29 de novembro de 1953 (Sagitário), o filho do meio de um casal gentil de classe média. Seu pai era designer gráfico e incentivou a habilidade de desenho de seu filho. O jovem Alex coletava insetos e animais mortos da vizinhança suburbana e os enterrava no quintal dos fundos. Os temas da morte e transcendência tecem ao longo de suas obras de arte, desde os primeiros desenhos até performances posteriores, pinturas e esculturas.

 

Segundo o blog Mundo Cogumelo, Após  conhecer sua parceira Allyson Rymland Grey, em 1975, Alex teve uma experiência mística enteógena que transformou seu existencialismo agnóstico a um transcendentalismo radical. O casal Grey continuou a tomar “viagens” sacramentais de LSD para fins de estudar este novo mundo proporcionado pelos enteógenos.

Alex trabalhou no departamento de Anatomia da Harvard Medical School por 5 anos, onde preparava os cadáveres para dissecação. Estudou o corpo humano por conta própria e elaborou pesquisas sobre as energias de cura. Posteriormente passou a trabalhar como ilustrador médico.

O artista é ícone na cultura psicodélica e esteve no Brasil pintando ao vivo em duas edições da festa Tribe.

– Você já deve ter visto discretamente alguma obra dele em um de nossos videos e posts. Eu sou um fã do trabalho dele desde que tive meus primeiros contatos com expansões de consciência, enteógenos, Xamanismo  e Transcendentalismo.

Separei minha curadoria das artes que mais gosto, e no fim tem o link do site oficial pra quem quiser se aprofundar.

 

Cristo Cósmico

 

Visite o site pra ver mais imagens:

https://www.alexgrey.com/art/paintings/soul/

 

20 thoughts on “A arte que revela o Divino

  1. Quanto mais as pessoas se permitirem a inteirarem-se da verdade, mais elas irão respeitar os efeitos dos enteogenos e vislumbrar que somos muito mais do que nossos olhos conseguem ver neste momento.
    Eu já tinha visto algumas destas imagens mas até então, nem imaginava de quem eram. Simplesmente impactante a qualidade com a qual elas transmitem algo realmente profundo. Parece que estamos “viajando” profundamente e olhando as outras pessoas como elas são em uma camada muito além do superficial. Fico me perguntando que experiências este homem deve ter tido para mudar radicalmente suas crenças após se permitir despertar com o uso das substâncias e colocando em contraste estes maravilhosos trabalhos quais ele faz.

    Obrigado por compartilhar, mestre. Luz pra nós!

  2. Incrível a sensibilidade que esse artista possui, o contato com a “morte” desde cedo já estudando os ecos que se desfaziam ao seu redor,já buscando entender o processo, concerteza isso o ajudou a desdobrar esse contato com o abstrato que é nítido.

Deixe uma resposta

Next Post

A História é como te contaram?

qui set 13 , 2018
Conversa inédita sobre Zumbi dos Palmares e os reais acontecimentos históricos do Brasil. Por Thiago e Rogerio.  Em torno de 1650, um grupo de escravos se rebela num engenho de Pernambuco e ruma ao Quilombo dos Palmares, onde uma nação de ex-escravos fugidos resiste ao cerco colonial. Entre eles, está […]